Inácio defende a Petrobras


De olho nas eleições de 2010, os tucanos procuram, na criação de uma CPI para investigar a Petrobras no Senado, uma forma de desgastar o Governo Lula. Nada mais é do que uma CPI contra a Petrobras, a maior e mais respeitada empresa brasileira no cenário internacional.

O senador Inácio Arruda vê na manobra oposicionista a tentativa de campanha prévia das eleições presidenciais: “O que está por trás disso, é que querem destruir a Petrobras, transformando essa questão numa disputa política eleitoral”, afirmou. “Tenho opinião de que a Petrobras é uma empresa emblemática, que o Governo FHC fez o que pôde para tentar liquidá-la”, avalia o senador Inácio.

Ele sugere tranquilidade do governo e mobilização da sociedade para se contrapor à manobra oposicionista: “É preciso, nessa hora, tranquilidade por parte do governo, mas ao mesmo tempo firmeza. Não podemos ter medo, esse é o jogo da direita. Precisamos mobilizar a sociedade brasileira, os movimentos sindicais, estudantil e de trabalhadores, que têm consciência do papel estratégico da Petrobras para economia brasileira. É hora de uma grande mobilização nacional em defesa do patrimônio do povo brasileiro, que é a Petrobras.”