Parlamento do Mercosul realiza 7ª Sessão Ordinária


O Parlamento do Mercosul realizou nesta segunda () sua sétima sessão ordinária. Vice-presidente da Comissão de Infra-Estrutura e Energia no Mercosul, o Senador Inácio Arruda comunicou a decisão do colegiado de se reunir no próximo dia 3 de dezembro, em Brasília, para discutir a pauta de integração energética.

Para Inácio, “a questão de energia no continente exige soluções urgentes, sobretudo depois dos problemas que afetaram o Brasil, como a do gás da Bolívia”.

A Comissão de Educação, presidida pela Senadora Marisa Serrano, aprovou o projeto do senador Aloizio Mercadante que sugere que os membros do Mercosul adotem políticas de inclusão digital, especialmente de Internet por banda larga, em todas as escolas públicas. Também foi aprovado pela comissão acordo que prevê a gratuidade de vistos para estudantes e docentes entre os países do Mercosul.

Já a Comissão de Meio Ambiente, presidida pelo deputado José Paulo Tóffano, discutiu um plano de ações conjuntas para conter os efeitos da seca e da desertificação dos países do Mercosul, e também começaram a apreciar a pauta comum para o Fórum Mundial da Água, que acontecerá em Istambul (Turquia), em 2009.

No plenário do Mercosul, a polêmica ficou por conta do ingresso da Venezuela no Mercosul, com debates acalorados entre as posições contra e a favor dos pleitos e ações do Presidente Hugo Chávez.