25 de janeiro de 2018

Exposição ‘Aedes: que mosquito é esse?’ é inaugurada no Cuca Jangurussu

25Apresentar à população detalhes sobre o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, é o principal objetivo da exposição itinerante “Aedes: que mosquito é esse?”, que teve início nesta quinta-feira (25/01), no Cuca Jangurussu, e segue aberta à visitação até o mês de abril. A ação é uma iniciativa da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), da empresa farmacêutica Sanofi e do Governo do Ceará, através da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), com a parceria da Prefeitura de Fortaleza/Seculfor.
Durante a solenidade de abertura, o secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Inácio Arruda, destacou o caráter educativo da mostra. “O Aedes aegypti é um mosquito muito complexo, que transmite várias doenças. A exposição cumprirá o papel de informar e conscientizar a população, pois sem o conhecimento sobre o mosquito não se consegue combatê-lo”.

Segundo Inácio, as pesquisas e iniciativas que fomentam o combate ao Aedes Aegypti devem ser incentivadas para que as doenças relacionadas ao mosquito possam ser controladas. “É necessário continuar realizando pesquisas e promovendo ações no campo da saúde, e por isso é importante o trabalho da Fiocruz e das instituições públicas, que atuam junto a instituições privadas, como a Sanofi, para promover o combate ao mosquito”, disse o secretário.

alt

alt

Também estiveram presentes na solenidade de abertura o secretário de Cultura de Fortaleza, Evaldo Lima; o vice-presidente de Meio Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde da Fiocruz, Marcos Menezes; o chefe do Museu da Vida, Alessandro Franco Batista; o coordenador da Fiocruz Ceará, Antônio Carlile; o diretor de Vendas Públicas da Sanofi Pasteur – Divisão de Vacinas, Richard Moralez; a coordenadora da Equipe de Educação em Saúde e Mobilização Social de Fortaleza, Cilene Chaves; e o presidente do Instituto Cuca, Márcio Araújo.

A abertura contou com performances do grupo Companhia do Ballet, que apresentou o espetáculo “Flores do meu Jardim”, e da percussão do grupo Arrastão do ABL. Em seguida, os visitantes puderam conferir a exposição através de uma visita guiada.

alt
alt
alt
alt
alt

A Exposição

Dividida em seis módulos, a mostra passeia pelo complexo universo do inseto, utilizando tecnologia de última geração e material multimídia. Jogos, modelos de vírus em 3D, quis, informações sobre o ciclo de vida do mosquito estão disponíveis na exposição. A concepção, organização e montagem da exposição é do Museu da Vida/ Fiocruz.

A exposição é mediada por jovens de comunidades de Fortaleza, que passaram por um treinamento fornecido pela equipe da Fiocruz e darão orientações aos visitantes sobre as formas de prevenir as doenças.

A exposição “Aedes: que mosquito é esse?” funciona de terça a sábado, das 9h às 21h, e aos domingos, das 14h às 18h. A entrada é gratuita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *