4 de abril de 2017

Mestrado do ITA contribuirá para o desenvolvimento do setor aeronáutico do Ceará

A segunda turma do mestrado profissional MP-Safety do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) no Ceará teve suas atividades iniciadas com uma aula inaugural na manhã desta sexta-feira (17/3), em Fortaleza/CE. Presente à solenidade, o governador Camilo Santana fez questão de destacar a importância dos novos estudantes para o desenvolvimento estadual e aproveitou para desejar sucesso aos mestrandos. “Vocês foram rigorosamente selecionados – o nível é altíssimo (…) Quero parabenizá-los e dizer que vocês irão contribuir para a modernização do setor aeronáutico do nosso Estado”.

O evento aconteceu no auditório do Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Ceará, no Campus do Pici, e contou com a participação do secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Inácio Arruda. Essa é a segunda turma do mestrado profissional em Segurança da Aviação e Aeronavegabilidade Continuada do ITA realizado no Estado. Os 32 estudantes selecionados irão ampliar seus conhecimentos relacionados a temas como Segurança de Aviação, Aeronavegabilidade Continuada, Tecnologia da Informação e Energias Renováveis.

Investimento estadual

A vinda do mestrado profissional MP-Safety ao Ceará é resultado de um esforço do Governo do Estado do Ceará, através da Secitece, juntamente com a Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) e em parceria com o ITA e com a UFC. O governo estadual já investiu R$ 3,7 milhões na iniciativa. Os recursos são oriundos do Fundo de Inovação Tecnológica do Ceará (FIT).

O reitor do ITA, professor Anderson Ribeiro Correia, ressaltou que a instituição é a segunda mais concorrida do mundo e que o Ceará se sobressai quando o assunto é o ingresso de novos estudantes. “O Estado é destaque no ITA, o que demonstra que o ensino aqui é uma referência”, disse. O reitor frisou ainda que a instituição espera crescer nas parcerias para implementação de outras iniciativas como a do mestrado profissional.

O reitor da UFC, professor Henry Campos, falou da satisfação da universidade em apoiar a realização do mestrado do ITA no Ceará. “Vimos concretizar-se uma parceria histórica entre UFC, ITA e Governo do Estado – representado pela Secitece e Funcap – e hoje damos continuidade a esse projeto tão vitorioso”. Henry frisou que serão formados no curso profissionais da aviação peritos em Safety (“Segurança”), um segmento bastante importante, “visto tamanho crescimento do trafego aéreo e de normas de segurança cada vez mais rigorosas”.

Ainda pela UFC, o diretor do Centro de Tecnologia, Carlos Almir Monteiro de Holanda, enfatizou que esse é o primeiro mestrado do gênero ofertado pelo ITA fora de sua sede. “É uma alegria pelo reconhecimento de que somos uma referência em nosso Estado: o CT é a maior unidade acadêmica da UFC. São cinco mil alunos, 230 professores, em sua maioria doutores. São 14 cursos de graduação e nove programas de pós graduação. Estamos em permanente crescimento”, destacou. As aulas do mestrado profissional do ITA ocorrerão nas dependências do Centro de Tecnologia.

Participaram da solenidade o chefe do Gabinete do Governador, Élcio Batista; o presidente da Funcap, Tarcísio Pequeno, dentre outros representantes de universidades e demais instituições de pesquisa. A aula inaugural foi ministrada pelo coordenador do MP-Safety, professor Donizeti de Andrade.

Mais sobre o mestrado do ITA no Ceará

Foram ofertadas em Fortaleza duas linhas de pesquisa no mestrado: Engenharia Aeronáutica e Segurança de Sistemas Aeronáuticos, e Sistemas de Gestão de Segurança de Aviação. O MP-Safety visa atender a demanda latente de pesquisa na área de segurança de voo tanto na aviação civil quanto na militar no País. Pessoas com nível superior em qualquer área podem se candidatar. Contudo, a formação é destinada preferencialmente ao capital humano com formação e/ou atuação relacionada com aviação e aeronavegabilidade.

alt

alt

alt

alt

alt

alt